Como alugar um imóvel sem fiador

4 minutos para ler

Antes de mais nada, você deve saber que existem outras maneiras de se alugar um imóvel nos dias de hoje, sem precisar do constrangimento que muitas vezes ocorre na hora de solicitar a alguma pessoa o favor de ser fiador.

Fiador

O fiador é uma modalidade de garantia.

Para alugar um imóvel é necessário garantir ao dono do imóvel que o indivíduo que alugar, irá honrar com os pagamentos dos alugueis em dia!

Porém, a Lei do Inquilinato de n°8.245/1991, prevê outras formas de garantia que podem ser utilizadas pelo inquilino, sem  a necessidade de um fiador.

Se você está pensando em alugar um imóvel e não tem ideia dos passos até a entrega das chaves confira a seguir, como alugar um imóvel sem fiador.

Saiba com detalhes tudo sobre esse tema aqui

Caução

A caução é uma garantia existente no mercado que substitui o fiador, porém, é pouco utilizada.

A garantia caução pode ser utilizada de algumas maneiras:
Com um bem móvel, que seria o caso de um veículo como garantia.

Para isso é necessário gravar no certificado do veículo, essa garantia e realizar a alienação desse bem na matricula desse imóvel.

Por conta do custo dessa transação ela é pouco utilizada.

A caução em dinheiro foi muito utilizada no passado e consiste em realizar o depósito valor de 03 aluguéis antecipado.

Por exemplo: esse depósito deve ser feito em conta poupança conjunta do locador e do locatário.

No entanto, esse dinheiro só irá voltar para o locatário no final do contrato, somente se todas as obrigações tiverem sido cumpridas.

Caso contrário o locador só poderá utilizá-la através de uma medida judicial comprovando que o locatário estava inadimplente.

Por isso, como ela é uma garantia que gera muita insegurança para as partes, ela também não é muito utilizada.

Seguro fiança

Anteriormente, o seguro fiança era realizado quase que exclusivamente por uma única empresa no mercado e por isso o valor era muito elevado.

Nesse meio tempo, o seguro fiança foi se popularizando e o valor foi ficando mais acessível.

No seguro-fiança, a seguradora contratada se responsabiliza pelo pagamento dos aluguéis em caso de inadimplência.

A cobertura também pode incluir o pagamento das outras taxas do imóvel, como IPTU, condomínio, eventuais multas etc.

Atualmente ele é o produto com maior aceitação entre os locatários e os locadores.

Com burocracia para a contratação do serviço bem pequena, quase nula, a aprovação é feita na mesma hora, salvo algumas exceções.

Cabe ao inquilino arcar com os custos dessa contratação.

Título de capitalização

Semelhante a caução, o título de capitalização envolve uma seguradora ou uma instituição financeira.

Neste caso o inquilino deve adquirir um título que também funcionará como uma poupança atrelada à locação e os valores pagos serão atualizados até o término do contrato.

O valor contratado é negociado entre as partes e somente no término do contrato o dinheiro pode ser mexido.

Caso haja problemas e inadimplências ele deve ser usado para cobrir os prejuízos.

CredPago

A CredPago é uma modalidade de fiança que analisa o cartão de crédito do inquilino e garante ao proprietário do imóvel que, em caso de inadimplência, ele poderá receber até 16 vezes o valor informado, com rapidez e sem burocracia.

Para adotar essa alternativa o inquilino precisa possuir cartão e limite à vista superior a 4 vezes do custo do aluguel mais IPTU e condomínio.

Então, acreditamos ter desmistificado para vocês que para locar um imóvel só é possível se existir fiadores e orientado que existem outras formas seguras e atuais sendo utiliza no mercado.

Para entender melhor sobre a Credpago leia também https://www.credpago.com.br/site/inquilinos/

Posts relacionados

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.