Seria o fim do home office?

3 minutos para ler

Que muitas empresas adotaram o sistema de trabalho remoto durante os últimos longos meses, não é segredo.

Mas agora, com o avanço da vacinação, qual seria a previsão para o mercado, e como isso impacta a nossa relação com o residencial?

Seria mesmo o fim do Home Office?

Como o home office impactou e transformou nossa percepção de lar?

Com o objetivo de evitar a propagação do novo coronavírus, muitos trabalhadores puderam trabalhar remotamente.

De acordo com a pesquisa FIA Employee Experience (FEEx), 90% das empresas aderiram a alguma modalidade de home office – os dados foram colhidos no segundo semestre de 2020, a partir de questionários respondidos por 213 empresas em todo o território nacional.

Essa experiência demandou pelo menos o mínimo de estrutura para receber um escritório em casa e com isso a necessidade de um espaço tranquilo, iluminado, ergonomicamente preparado foram surgindo e as transformações e adaptações surgindo.

O aumento da produtividade, a conexão entre colaboradores de outras cidades, a possibilidade de trabalhar em qualquer lugar, a flexibilização de horários, a proximidade com a família e o tempo a mais em casa são alguns dos benefícios notados.

Com isso a adequação de algum cômodo da casa para o trabalho, e a insatisfação com o espaço físico da casa surgiram e o anseio por um lugar mais adequado onde separar o ambiente de trabalho do ambiente doméstico, fizeram o olhar de muitos se voltarem em direção a um novo imóvel.

Preços, baixas taxas de juros e um boom na construção civil. Tudo isso incentivou o mercado imobiliário a crescer e torna o ano de 2021 um bom ano para comprar um novo imóvel!

A busca por imóveis maiores, em regiões mais calmas e em regiões com maior qualidade de vida era o maior objetivo de quem iniciou a busca por um novo imóvel.

Leia também: Lagoa Santa: beleza, natureza e qualidade de vida

Com o avanço da vacinação, como fica?

Mesmo com o retorno de grande parte das atividades em diversos setores, nem todas as empresas retomaram a rotina integral no escritório comercial e ainda não se sabe ao certo se o formato hibrido atenderá bem.

Por questões de segurança, o retorno definitivo aos escritórios ainda é incerto e o espaço físico deverá sofrer mudanças, novas normas e práticas.

Sabemos que a experiência global com o home office impactou o mercado e a sociedade, terá consequências duradouras e ainda permanecerá para muitos como novo formato de trabalho definitivo. 

Já que estamos falando de imóveis maiores, mais qualidade de vida porque não buscar seu novo imóvel na Patrimonial?

Confira também o nosso Instagram @patrimonial.imoveis

Posts relacionados

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.