Imóvel novo ou usado: o que avaliar antes de investir na compra

4 minutos para ler

A compra de um imóvel sempre exige grandes quantias de dinheiro, por isso, é preciso cautela e muita ponderação. Para ter a certeza de que você fará a escolha certa, é fundamental avaliar alguns detalhes, como localização da propriedade, valor, formas de pagamento e metragem condizente às suas necessidades.

Antes disso, contudo, vem uma escolha igualmente importante: a decisão por um imóvel novo ou usado. Então, para lhe ajuda nessa decisão, listamos aqui quais itens devem ser avaliados em cada categoria de propriedade.

Quer se sentir seguro para mais essa conquista? Continue a leitura!

Imóvel novo

Conheça a construtora

De fato, adquirir um apartamento novinho, ainda com cheirinho de tinta, pode ser tentador. Contudo, é preciso avaliar a reputação da construtora responsável pelo empreendimento para evitar dores de cabeça.

Vá atrás de informações de pessoas que fecharam negócio com a empresa e verifique se há alguma reclamação recorrente. Além disso, perceba se existem problemas, principalmente nas partes elétrica e hidráulica. Isso é determinante para uma boa habitabilidade — e para evitar gastos no futuro.

Confira o acabamento

Não se deixe levar pelas facilidades de um condomínio ou pelo tamanho do imóvel; verificar a qualidade do acabamento é essencial para fazer um bom negócio.

Pergunte a respeito dos materiais utilizados e, se achar necessário, contrate um consultor imobiliário para ajudar na avaliação. Lembre-se: acabamentos de primeira qualidade custam mais, mas duram décadas sem que você precise colocar a mão no bolso para reformas.

Verifique o regime de construção

Antes de tomar uma decisão, também é importante verificar o regime de construção da propriedade. Afinal, esse fator impacta diretamente o valor do imóvel.

Se a modalidade for por empreitada, você terá um valor determinado, mas sujeito a alterações. Já imóveis de regime por administração — também chamados de imóveis a preço de custo — exigem o pagamento do valor da obra com acréscimos da taxa de administração.

Se for o caso, procure um profissional e tire todas suas dúvidas para garantir a melhor compra.

Avalie as formas de pagamento

Além do valor e das vantagens de um imóvel, ainda é muito importante que você avalie com cautela todas as condições de pagamento. Informe-se, por exemplo, a respeito do valor da entrada, do montante das prestações e das taxas de juros.

Imóvel usado

Observe o nível de conservação

Se você se interessou por um imóvel usado, fique atento ao nível de conservação da construção. É importante, por exemplo, atentar-se na existência de rachaduras ou na presença de mofo.

Observe também a situação das paredes e se há ferrugens em janelas e esquadrias, e esteja muito atento às condições das partes hidráulica e elétrica. Vazamentos e problemas na fiação, além de comprometer a segurança dos moradores, podem custar muito na hora de consertar.

Certifique-se da idade do imóvel

Veja na documentação da propriedade ou cheque com o proprietário a idade real da construção. Essa informação pode lhe dar uma ideia a respeito de reformas iminentes.

Imóveis muito antigos, apesar de terem a fama de serem mais duráveis, estão propensos a apresentar desgastes em diversos itens, como encanamento e demais detalhes que podem custar caro para o novo dono.

Investigue os tributos

Outro detalhe importante é conferir na documentação do imóvel se ele tem pagamentos pendentes e tributos devidos. Muitas vezes, as pessoas adquirem imóveis sem se atentar para esse detalhe tão importante, sendo depois obrigadas a arcar com dívidas de outras pessoas.

Inclusive, essa investigação também é importante para você ter certeza de que o imóvel está apto a ser vendido e que não é objeto de brigas judiciais.

Saiba se a propriedade tem vícios

Vícios no imóvel são problemas que podem afetar a habitabilidade do imóvel ou diminuir o seu valor, como a falta de espelhos nas instalações elétricas ou vazamentos aparentes. Esses são detalhes que podem afetar a conquista do imóvel próprio e causar muitos incômodos ao novo proprietário.

Enfim, já se sente mais seguro para escolher entre um imóvel novo ou usado? Basta seguir as nossas dicas e você terá uma compra certeira!

Agora, se gostou deste post e quer começar a procurar a sua propriedade, entre em contato com a gente e confira as opções que temos para você!

Posts relacionados

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.