Dicas para manter a tranquilidade dos pets nas festas de fim de ano

5 minutos para ler

As comemorações de Natal e encerramento do ano de 2020 estão a cada dia mais próximas e, apesar das recomendações serem de não aglomerar, sabemos que somente as pessoas “de casa” já são o suficiente para uma boa confraternização!

O que pode ser festividade para você, pode ser um vilão para seu animal de estimação, como, por exemplo: decorações, ceias, músicas altas, falação alta e fogos de artifício.

Nosso conteúdo de hoje é para os donos e todos aqueles que amam os animais, para que redobrem a atenção a fim de garantir a tranquilidade dos pets durante as festividades de dezembro.

Decoração

Os gatinhos amam coisas penduradas e coloridas, logo, a árvore de Natal cheia de luzes e acessórios pode parecer um verdadeiro parque de diversão, porém, o desastre e o perigo podem ser evitados.

O primeiro passo é escolher uma base forte e sólida para segurar a árvore, depois cercá-la, para que o felino não se aproxime. Prefira enfeites de plásticos, em vez de vidro, e pendure os mais delicados, sedutores e perigosos no topo.

Outro ponto é os fios do pisca-pisca: é necessário escondê-los e impedir que os pets tenham chance de mastigá-los e tomem um choque.

Ceia

“É só um pedacinho!” quem nunca disse essa frase ao dividir o que comia com seu pet, que atire a primeira pedra!

Muitos tutores acabam partilhando alimentos das ceias com seus pets e sabemos bem que, em grande maioria das vezes, são alimentos não adequados que podem trazer mal estar, enjoos, vômitos, diarreias e até intoxicação.

Prepare um petisco caseiro saudável como fígado, frango desfiado, batata doce assada, itens não restritos aos bichinhos e com a orientação de um vet.

Hoje já contamos com a facilidade de encomendar alimentação natural, saudável e balanceada em empresas especialistas em AN para Pets.

Uma empresa de BH, inclusive, desenvolve um cardápio exclusivo para o Natal.

Conheça a Pet Saudável através do link www.flow.page/pet.saudavel e não se esqueça do seu melhor amigo neste natal!

Vai viajar ou passar fora de casa?

Se você vai viajar ou passar a virada do ano em outro local que não seja a sua casa, o melhor para seu pet é ir com você ou ficar com alguém que ele tenha vínculos e que esteja disposto a dedicar atenção a este animalzinho durante este período.

Seu pet se sente mais seguro com você, mas é necessário bom senso na hora de tomar essa decisão.

Planeje, faça um roteiro e inclua o pet em seus planos!

Se a opção é levá-lo na viagem, pense no transporte e na segurança dele!
Caso utilize um automóvel, cães devem usar cintos de segurança e os gatos e aves precisam ser transportados em caixas apropriadas.

Planeje também as paradas a cada duas horas, tenha sempre água disponível e consulte o vet antes de viajar. Assim como levamos o carro no mecânico para a revisão, seu pet também precisa de uma checagem de segurança!

Se a saída é deixá-lo sozinho, prepare um treinamento de rotina para que ele não se assuste no dia, prepare um espaço tranquilo em casa para que ele fique o mais confortável possível, sem portas de vidros, janelas baixas e escadas.

Não o deixe preso em coleira, mas também não o deixe livre por toda a casa.

Passear com ele antes de sair é uma opção para deixar o bichinho mais relaxado, caso seu pet for um cão.

Leia também: Como decorar a casa para o Natal em época de pandemia

Fogos de artificio?

A queima de fogos de artifício pode deixar cães, gatos, aves e outros bichinhos agitados, com medo e até estressados. 

Snacks que possuem triptofano, podem proporcionar mais tranquilidade ao animal e colabora para acalmá-lo, além de proporcionar bem-estar.

A alimentação pode estar alinhada à dessensibilização, prática que costuma dar certo em muitos casos.

Treiná-lo com sons de fogos baixos e gradativamente ir aumentado é uma estratégia utilizada por adestradores. A cada volume maior o animal mantendo-se tranquilo, é premiado com um snak!

A televisão ligada também ajuda a camuflar os sons dos fogos, mas confessamos que alguns animais têm pavor e passam mal com o som da mesma forma.

Para aliviar a tensão no pet, uma opção é colocar nele um colete protetor ou até mesmo abraçá-lo com uma faixa ao redor do seu corpo.

Se a opção escolhida for a faixa, é preciso seguir um passo a passo: Coloque a faixa na altura do peito do animal e cruze as pontas depois do pescoço, na altura do dorso.

Depois, é preciso fazer o mesmo abaixo, na altura do dorso, e, por fim, dê um nó firme, perto da coluna.

O ideal é testar antes do evento para entender a reação do cão.

Nada acalmará mais o seu pet do que você!

Planeje-se e permita que ele tenha uma noite tranquila com todas essas dicas.

Posts relacionados

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.